Ar-condicionado automotivo: do luxo à economia de combustível

15 ago 2012                   1 Comentário Logo da Dinamicar Pneus

 

Existiu um tempo em que ter ar-condicionado automotivo era apenas para pessoas que podiam comprar carros de luxo. Hoje os aparelhos estão dentro de qualquer automóvel popular e muitos tratam como elementos de primeira necessidade na hora de comprar um veículo. Entretanto, nos primeiros modelos, os usuários reclamavam do gasto excessivo de gasolina que havia para manter o aparelho gelando. Só que isso foi mudando com o tempo, já que a tecnologia aplicada nos novos compressores melhorou o desempenho do ar-condicionado e do carro, como um todo.

A evolução do sistema

 

Quando você liga seu aparelho, isso gera um impulso elétrico que faz acoplar a embreagem eletromagnética ao rolamento que já gira naturalmente com o motor do carro. Dessa forma, o ar está ligado. Nos compressores mais antigos, esse movimento pesava excessivamente no motor, o fazendo gastar mais gasolina, para manter o giro em, aproximadamente, 1000rpm. Nos modelos mais atuais, os compressores são menores e mais eficazes, com materiais mais leves e fazendo muito menos força para comprimir o gás refrigerante do sistema.

ar condicionado automotivo
 

Entretanto, no passado, já havia a discussão sobre isso e ficou provado que em um carro andando a cerca de 80km/h, de vidros fechados, com o ar ligado, a diminuição do arrasto proveniente do vento que entra pelos vidros já compensava o peso do compressor. Além disso, essa diminuição do arrasto melhora o desempenho também dos pneus, que, tendo menos resistência do carro junto ao solo, tem menor desgaste. Entretanto, para melhores explicações sobre consumo, procure uma loja de pneus no Rio de Janeiro, como a Dinamicar.

Mantenha seu ar-condicionado funcionando bem

 

Alguns cuidados com o aparelho o fazem ter melhor desempenho e durabilidade. Limpar sempre os filtros anti-pólen melhora o desempenho e evita problemas respiratórios. Evite desligar o automóvel com o ar ligado, pois isso provoca parada brusca na embreagem, podendo haver comprometimento do equipamento. Ao menor sinal de superaquecimento, desligue-o, pois dessa forma você evita que o compressor seja comprometido. Ligue sempre que puder, já que a melhor coisa para um ar-condicionado é mantê-lo ligado.

Uma resposta para “Ar-condicionado automotivo: do luxo à economia de combustível”

Deixe uma resposta

LEIA MAIS

manutenção de carro

Vistoria anual 2017: Data

Todos os anos, proprietários de veículos usados precisam realizar a vistoria anual do DETRAN-RJ. Os carros zero quilômetro são exceção, pois o Governo do Estado do Rio.

ipva 2017

IPVA 2017: saiba sua data

O ano novo começou, e com ele, começam também as obrigações financeiras. Taxas como IPTU, cota de incêndio, matrículas escolares e o IPVA são contas que, muitas.

motor sendo esquentado

Mito ou verdade: é precis

Os mais antigos insistem nessa prática e os mais novos já não têm tanta paciência, mas será que ainda é preciso aquecer o motor antes de andar.