Falta de desempenho no ar-condicionado: saiba o que pode ser!

29 mai 2013                   0 Comentário Logo da Dinamicar Pneus

 
O inverno se aproxima no Brasil e em muitas cidades a temperatura abaixa a um patamar que não se faz necessário o uso do ar-condicionado do carro. Conforme o tempo vai passando e o calor volta, todos querem fazer uso deste equipamento que, nos dias de hoje, é tratado como item de primeira necessidade, vindo de fábrica na maioria dos carros no país.
 
Mas para assegurar que, quando seu uso for necessário novamente, tudo esteja em pleno funcionamento, é importante não parar o uso total de suas funções. Ao menos uma vez por semana, ligue o sistema e o deixe funcionar por cinco minutos. O ar-condicionado automotivo é um sistema complexo e sensível, requer manutenção e, principalmente, uso! Se mesmo assim, seu equipamento não estiver funcionando ou estiver gelando pouco, tente descobrir, pelas dicas abaixo quais os possíveis problemas que atrapalham o pleno uso.
 

Ar condicionado

Foto: Reprodução Internet

O que faz um ar condicionado parar de gelar ou perder desempenho?

 

  • Filtro anti-pólen sujo: diminui a passagem de ar para dentro do carro. Todos os filtros do carro têm vida útil, sempre verifique, não só os do ar.
  • Superaquecimento com o ar ligado: provoca aumento de pressão no compressor que perde capacidade, diminuindo a pressão do gás
  • Pequenos vazamentos de gás: em um primeiro momento o sistema perde capacidade e, se não reparado, com o tempo para totalmente
  • Mistura de ar quente no ar frio: em carros com aquecedor, hoje a maior parte, pode haver passagem do ar quente para o sistema de ar-condicionado
  • Em carros mais antigos evite ligar ou desligar o carro com o ar ligado: sistemas mais antigos não tinham proteção contra esse tipo de erro de procedimento, e até nos carros novos, sempre ligue o ar após ligar o motor e o desligue antes de parar o motor
  • A ventoinha de arrefecimento do condensador é muito importante, certifique-se que ela está em pleno funcionamento. Ela é responsável por abaixar a pressão do sistema, evitando problemas no compressor
  • Verifique sempre a parte elétrica do ar-condicionado. A queima de um relê pode parar todo o sistema

Melhor remédio é uso!

 
Como já foi ressaltada anteriormente, a melhor manutenção para o sistema de ar-condicionado é o uso. É a partir do uso evita-se o ressecamento de mangueiras, evita-se perda de eficiência do gás refrigerante e que partes móveis se estraguem. Ligar o ar é movimentar todo o sistema de uma vez, lembrando que o óleo lubrificante só alimenta todo o sistema a partir do giro do compressor.
 

Deixe uma resposta

LEIA MAIS

freio muito quente

Freio: tambor ou disco na

Com o desenvolvimento da indústria, o que parecia um tanto quanto óbvio mas ainda não era colocado em prática passou a ser trazido à realidade. Foi o.

caminhão emitindo fumaça

Confira novidades sobre e

A preocupação com o clima é levada cada dia mais a sério. Aqui no Rio de Janeiro, saiu o segundo inventário com o objetivo de controlar as.

pirelli pzero

Ruído nos pneus? Nunca ma

Andar de carro é cada dia mais confortável, e mesmo com a constante evolução das tecnologias envolvidas, algo que vinha incomodando a indústria eram os ruídos provocados.